24H disponível para os Enfermeiros

Programa Prós e Contras - RTP1 - 11/01/2016

Categoria: Programa Prós e Contras - RTP1 - 11/01/2016


O tema escolhido foi o grau de satisfação ou a sua contrária, relativo ao SNS.
Do lado dos "Prós" esteve o plenipotenciário Leal Lopes, um infiltrado do PCP cedências à António Costa, que representou o
Ministro Adalberto Campos;
A seu lado esteve o famigerado Artur Paiva, que se celebrizou no controlo dos excessos de antibióticos usados por Médicos.
Do lado dos "Contras" estiveram a Bastonária recém-eleita da Ordem dos Enfermeiros e ex ministro da Saúde Leal da Costa. (para o meu gosto era lealdade a mais, mas calhou assim...)
 

Duas notas de surpresa:
1 - O Comunista feito Ministro da Saúde, sendo um sapo, não é o Sr. Adalberto o único a engoli-lo. São os sinais dos tempos e as facturas que o PCP emitiu ao Sr.A.Costa para fingir apoiar o governo, que criou.
2 - A Bastonária eleita, Ana Rita Cavaco demonstrou que já não é preciso falar das equipas de saúde, para falar em público, dos Enfermeiros. Esteve bem, nesta perspectiva. E se tivesse dito, claramente que as causas da desorganização dos serviços de saúde hospitalares estão directamente relacionados com os afastamento  e subversão das chefias de Enfermagem, acrescidas do excessivo número de administradores, que não tendo que fazer se dedicam a fazer asneiras, tinha acertado no 20.

Já o conhecido ex-ministro da Saúde, Leal da Costa, borrou a pintura ao exteriorizar o seu azedume contra os Enfermeiros, ao comparar estes com as carreiras de meia dúzia de nutricionistas e farmacêuticos em igual número e outros, com os Enfermeiros dizendo, na passada e a meia voz, que os Hospitais não têm só Enfermeiros.
Lá isso é meia verdade, porque, além dos Enfermeiros, também há os Doentes como residentes habituais.
Se por lá andasse com olhos de ver saberia discernir, que a importância dos Enfermeiros relativamente a todos os outros funda-se na sua presença constante, enquanto os outros passam por lá, mais o menos tempo, mas são apenas passantes.
Os Enfermeiros e os Doentes são ficantes.
Não precisava de ser tão claro, para continuar na nossa lista negra, por causa de ter tentado distribuir as funções dos Enfermeiros aos Taes do INEM.
Aqui fica o meu reparo.
José Azevedo

© 2017 Sindicato dos Enfermeiros
by Estudio Digital
Back to Top